to top

O que eu aprendi sobre moda, ouvindo

fb-moda-ouvindo

moda-sem-genero-martaerenan-1

Eles sabiam que iam aparecer aqui no blog quando tirei essas fotos, eles só não sabiam sobre o que eu iria escrever. Num mundo onde não se pode falar sobre o que não se vive, eu vou falar hoje sobre o que eu já escutei deles. E se tem uma coisa que está em falta no mundo é de pessoas que escutam. A Marta e o Renan são um casal de amigos que mesmo sem saber, me ensinaram muito sobre moda e comportamento. Amigos, vocês nem sabem, mas me ajudaram a ter certeza que eu estava no caminho certo.

Os dois passaram pela cirurgia bariátrica e eu acompanhei o antes, o durante, e agora de pertinho, o depois. Um pouco antes da cirurgia a Marta me falou uma frase que mudou a minha percepção de mundo: “Guid, eu entro em lojas e as pessoas não me atendem pq sabem que não vão ter roupas que me sirvam”. Essa frase me tocou demais. Você perceber um mundo do qual não faz parte, realmente, é muito difícil.

Eu estava a uns meses de começar o meu curso de consultoria de imagem e aquele depoimento me serviu de incentivo. Eu queria aprender mais sobre como as pessoas se relacionavam com roupas, para poder ajudar elas.
moda-sem-genero-martaerenan-3 moda-sem-genero-martaerenan-4
Esse casal é o meu incentivo pois eles demonstram todos os dias que moda é simplesmente traduzir quem você é em roupas. E quando você não se vê como realmente é, você não se veste de você, e se esconde.

A Marta agora usa vestido, me pediu dicas de maquiagem e nesse dia foi me encontrar assim: com a camisa do Renan e usando batom rosa. O Renan usa óculos com armação em detalhes de amarelo e nesse dia estava com uma calça emprestada da Marta. Eles desconstruíram a moda para que ela se construísse do jeitinho deles. Não precisaram saber o conceito de moda sem gênero ou das últimas tendências da moda. Eles só precisavam saber, quem eram. Só precisavam se encontrar. E agora refletem isso nas roupas que vestem. É assim que eu quero fazer parte do mundo: ajudando mais pessoas a se vestirem delas mesmas.

Esse texto na verdade é inspirado no texto incrível que a Marta fez no blog dela hoje. Você deveria ler.
Mais uma dica é o vídeo no canal Dê Apê Novo, que fala sobre vestir a casa de si mesmo, no fundo é tudo sobre se encontrar. <3

moda-sem-genero-martaerenan-6

Guid Meinelecki

Guid Meinelecki

Hingrid Meinelecki, no instagram @guid brincando de moda com o Não Repete no facebook.

  • Luana Sales

    Aí que amor esse post, chega a ser emocionante <3

    As vezes a gente só precisa saber quem é, pra mostrar isso para o mundo.

    Amei <3

    7 de abril de 2017 at 19:13 Responder
  • Fabiana

    Arrasou! Não sou fã de moda (ou será que sou da minha?) mas sou fã da Guid. Agora sou mega fã da Guid. Sou master fã da Guid. Posso pedir uma consultoria internacional?❤

    7 de abril de 2017 at 21:07 Responder
  • Aruanda Sfair

    A Marta muda a vida das pessoas, não é? Até me fez conhecer esse blog maravilhoso.

    Vida longa! Que sua redescoberta profissional traga muitos frutos. Sucesso!

    8 de abril de 2017 at 09:25 Responder
  • Carol Justo

    Que texto lindo <3 super emocionante e óbvio que fui correndo para o blog dela e quase chorei com o texto! Obrigado pelo post, de verdade

    Carol| http://www.pinkisnotrose.com

    8 de abril de 2017 at 15:04 Responder

Leave a Comment